CÃES E GATOS NO AVIÃO

CÃES E GATOS NO AVIÃO

Quando viajamos e queremos levar junto nossos melhores amigos, os pets, muitas vezes ficamos em dúvida sobre as possibilidades de transporte deles, principalmente quando se trata de uma viagem de avião. Hoje é cada vez mais comum que as pessoas levem seus bichinhos de estimação junto consigo em uma viagem. Afinal, eles já fazem parte da família!  A boa notícia é que sim, é possível levar seu animalzinho em quase qualquer meio de transporte, seja ônibus, carro, bicicleta ou avião.
Hoje eu conto pra vocês um pouco sobre o transporte de cães e gatos em avião. Cães e gatos são os animais que mais viajam com seus donos. Eles tem lugar especial em nossa vida e é cada vez mais comum vê-los em aeroportos e rodoviárias.

O transporte de cães e gatos é permitido por quase todas as companhias aéreas. As opções dadas pelas companhias áreas são duas: na cabine do avião (junto com o dono) ou no compartimento de carga dos aviões (junto com as bagagens). Tudo depende do tamanho e peso do seu animal e também das suas preferências, já que essa decisão vai influenciar diretamente nas condições da sua viagem. Mas este é um assunto para outro post…
dog-333483_1920
Quando seu animal é de grande ou médio porte, mais comum com cães, e pesa mais do que 7 ou 8 quilos  (somando o peso do animal mais o peso da caixa de transporte), você acabará sendo obrigado a despachar o seu animal e ele terá de viajar no compartimento de cargas junto com as bagagens que o avião vai transportar.  Mas se seu animal for de pequeno porte e seu peso for inferior a 7 ou 8 quilos (somando o peso do animal mais o peso da caixa de transporte), você terá a opção de viajar com seu animal junto de você dentro da cabine do avião. Ou seja, se seu animal for pequeno e leve você terá duas opções, a opção de transportá-lo dentro da cabine ou dentro do compartimento de cargas.

Mas uma coisa é interessante lembrar: cada companhia aérea tem regras específicas. Estas regras variam desde o peso do animal até as medidas e modelos de caixa/ bolsa de transporte. Algumas companhias aéreas chegam a classificar o transporte dos animais pela idade e raça do animal – uma vez que algumas raças, tanto caninas quanto felinas, tem necessidades especiais. E com isto o transporte do seu animal pode ser barrado pela companhia aérea, mesmo que ele tenha o peso e tamanho adequados. Outro detalhe sobre as regras para transporte de animais no avião, é que elas podem mudar de acordo com o tipo de voo. O tamanho e peso limite do animal permitido em voos domésticos costuma ser menor do que para voos internacionais, assim como acontece com as bagagens. Então, a melhor dica que eu posso dar a você quanto a isso é: verifique com sua companhia aérea sobre estas regras! Normalmente eles tem uma descrição completa das regras no site da companhia. Caso não encontre, não hesite, ligue ou mande um e-mail. Faça isso e garanta a tranquilidade na hora de viajar com seu bichinho de estimação!

cat-1099134_1920Outro detalhe que você deve atentar é ao fato de que você terá que pagar uma espécie de “passagem” para seu pet. As companhias aéreas costumam cobrar uma taxa para transportar seu cão ou gato. Esse valor é muito relativo e varia pelo tipo (dentro da cabine ou no compartimento de carga), pelo peso do seu pet e principalmente pela companhia aérea que vai transporta-lo.

Estes são alguns detalhes que você deve observar na hora de viajar de avião com seu pet. Assim você garante uma viagem melhor e mais tranquila para você e para seu animalzinho de estimação!

Grande abraço e até o próximo post!!!

IMAGEM:

Comente aqui